Leitores

Atualização do WhatsApp – Já fez?

PIC1

O programa WhatsApp foi retirado das lojas do Google, do Iphone e do Windows Phone durante alguns dias para que o programa sofresse algumas modificações. Agora, ele já está disponível para download nas lojas de todos os sistemas operacionais. As orações dos usuários ajudaram, por que foram feitas melhorias pequenas, mas bastante úteis no aplicativo.

A interface ficou mais limpa e funcional, tanto as fotos de cada usuário quanto o próprio texto ficaram maiores e os emojis estão dispostos como se fosse um pequeno teclado. As notificações podem ser lidas com mais facilidade e ele exibe as 5 últimas mensagens recebidas, com mais agilidade e clareza.

Também novos recursos de privacidade – em tempos de invasão de smartphones e nuvens de pessoas famosas, é um recurso muito bem vindo – e foi feita a correção de alguns bugs do aplicativo que tiravam o sono de todo mundo. Já há quem divulgue os resultados do jogodobicho, via whats, sem problemas. Facilidades…

A versão para Iphone permite o envio de vídeos em Slow Motion, além da possibilidade de arquivar conversas, sejam elas em grupo ou individuais. Os vídeos podem ser cortados, antes do envio e a localização se tornou mais precisa. E, algo que incomodava muita gente passou a ser alterável! O tom do aplicativo agora pode mudar!

PIC2

Quem implicava com o som das mensagens que chegavam, pode escolher sons diferenciados, para grupos e pessoas diferentes. Agora, quando o celular apitar, você poderá saber se vale a pena largar tudo para olhar o programa ou se dá pra esperar um pouco mais, algo muito útil.

O WhatsApp é um programa viciante, chega a atrapalhar a produtividade de alguns profissionais e estudantes. Algumas destas pequenas modificações vão realmente fazer a diferença, nas pessoas mais aficionadas. Parece que a compra do aplicativo pelo Facebook finalmente começa a ser benéfica para os usuários. No início, alguns vão estranhar o visual, mas com o tempo, provavelmente todos vão se acostumar.

Crónica enviada por leitor

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Crónicas Mais Lidas

loading...
To Top