Últimas Crónicas

Personagem principal – Sandra Castro

loading...

( A tua avó encontrou a minha avó lá no céu, aonde os anjos dançam e festejam, e disse-lhe: Dona Maria, vamos juntar os nossos netos? O seu neto está de coração partido e a sua neta com a cabeça fora do lugar.

– Sim, vamos a isso! Eles são boas pessoas e juntá-los vai fazer-lhes bem, muito bem. Eles vão-se conhecer e vão se apaixonar!

– Então vou já mandar os pozinhos mágicos do destino lá para baixo…)

Serás sempre a personagem secundária na minha vida. O primeiro elemento, o primeiro patamar nunca serás, porque já está ocupado e  muito bem ocupado.

A personagem principal já me ocupa muito tempo, muita energia, muitas dúvidas e muitas lágrimas, mas ainda sobra um restinho de tudo isto para ti!


Sei que gostarias de estar em primeiro lugar em tudo da minha vida porque eu sou personagem essencial na tua, mas eu não posso me igualar a ti e sei que no fundo vais sentir sempre esta necessidade de protagonista. E talvez esta diferença entre nós mate o sentimento que começou a florescer.

Ainda não sei se este sentimento é amor, mas é paixão sem dúvida! Daquelas paixões em que até os defeitos nos fazem rir. Olho para ti e só vejo corações e sóis brilhantes à tua volta.

E tu, o que vês quando olhas para mim?

Não quero que me vejas assim, vulnerável, com os olhos vermelhos de chorar, irritada, infeliz, sem vontade de fazer nada e sem ânimo e coragem para continuar esta jornada.

Eu quero que me vejas como tens me visto sempre. Alegre, feliz, bem-disposta, sorridente, brincalhona, de bem com a vida, com uma vontade desenfreada de sexo e mimos. A aproveitar os minutos conversando sobre o futuro, rindo às gargalhadas com coisas parvas…porque tenho medo, muito medo, de quando conheceres o meu lado mau que concluas que não vale a pena estar comigo. Que aches um desperdício de tempo estar ao meu lado e que o nosso namoro é uma batalha perdida.

É que…bem…há pessoas que eu amo que simplesmente desistiram de mim a vida toda…não desistas tu também!

Crónica de Sandra Castro
Ashram Portuense

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Crónicas Mais Lidas

loading...
To Top