Últimas Crónicas

Proibiram-me de ler jornais – Joana Camacho

loading...

A verdade, senhoras e senhores, é que já me arrependi deste meu novo estilo de vida – ler jornais definitivamente não é para mim. Os meus próprios pais proibiram-me de o fazer, no dia em que quase inundava a casa, após ter lido uma notícia que dizia que a Sandra Oh ia abandonar o elenco de Anatomia de Grey. Não sei se vocês têm por hábito acompanhar a série mas, como fiel espetadora que sou, acho um autêntico ultraje termos de nos despedir da Cristina Yang, ao fim de 9 temporadas. 194 episódios, bolas! Vou para a banheira chorar ao som de violinos e música fúnebre e volto já.

Adiante: ouviram falar naquele peixe que ataca a “virilidade masculina”? Não sei se já viram a fotografia do dito cujo mas – que diabo! – o bicho tem uma dentição melhor que a minha. Quanto a vocês, homens, não sei; mas eu não punha os pés (nem os testículos, pronto) na praia tão cedo.

Li uma notícia cujo título era: “Mosquito pode ficar com maioria da Soares da Costa”. Pelo que andei a investigar, a Soares da Costa é uma construtora. Com certeza têm muito dinheiro, não é? Então expliquem-me: como é que não conseguem lidar com um mosquito? Ou meia dúzia deles, vá. Eu conheço um exterminador que é muito bom e que faz preços razoáveis. Se precisarem de um contacto telefónico, é só dizer, está bem? Estou aqui para ajudar.

Uma outra notícia dizia que o Departamento da Policia de Detroit tinha divulgado o tamanho dos sutiãs das agentes do sexo feminino. Ora, menos mal que foi só das agentes do sexo feminino. Se também tivessem divulgado o tamanho dos sutiãs dos agentes do sexo masculino, a coisa era capaz de ser mais grave.

E alguém é capaz de me explicar para que raios me interessa saber que a Jennifer Aniston mudou de voo para evitar a Angelina Jolie? Pá, eu ontem mudei de passeio para evitar a minha professora de História do terceiro ciclo, e não vi essa notícia na capa do Semanário SOL. Achei ofensivo. A igualdade de direitos, onde é que anda?

Falando em professores de História: que conversa é essa de a Merkel ter dado uma aula de História sobre o muro de Berlim? A avaliar pela forma física da senhora, sempre achei que BOLAS de berlim fossem o seu tópico de eleição. E aposto que qualquer aluno estaria bem mais interessado em assistir a uma aula de Culinária, ao invés de aprender coisas sobre um muro. Digo eu. Senhora Merkel, para a próxima pondere a ideia; obrigada.

Caras pessoas que me leem: caso, por alguma razão, tencionem subornar a autora deste texto, permitam-me que vos deixe uma sugestão… chocolates. Montes e montes deles.

JoanaCamachoLogoCrónica de Joana Camacho
A parva lá de casa

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Crónicas Mais Lidas

loading...
To Top