02/06/2020

André Marques

André Filipe Nunes Marques nasceu a 27 de Fevereiro de 1986, na modesta cidade de Santiago do Cacém (Alentejo). Formado em Comunicação, Marketing, Relações Publicas e Publicidade pela Escola Profissional Do Montijo, tem-se dedicado à imprensa regional desde 2010. Desde então colaborou em reportagens para o Diário do Distrito, produziu artigos para o quinzenal Alcaxete, passou pelo Jornal do Barreiro, Diário da Região e Minas de Ideias, Brasil. Apresentou ainda spot´s publicitários, entrevistas e guiões para a estação de rádio PopularFM, Pinhal Novo. Atualmente reside na freguesia de Alhos Vedros, concelho da Moita, local que o mantém, mesmo longe, ligado ao quente Alentejo que o viu despoletar para o mundo.

A saudade assemelha-se à solidão. Quando o amor ainda persiste em casa, e o coração a milhas. Para lá da...

Corre por mim um vento afável, meigo, como algo obrigatório e sem fuga de passagem. Não importa quem esteja. Corre...

Estremecem os sentimentos. De nada importa este barulho ensurdecedor. Tenho a boca encerrada, o coração perdido, e a noite é...