Últimas Crónicas

Compras de Última Hora – Carla Vieira

loading...

Amanhã já é natal! Dá para acreditar? Ainda o ano passado era natal e este ano já é outra vez, uma pessoa nem se consegue arranjar decentemente para todos estes natais. Deus sabe que eu não consigo aguentar tantos natais uns em cima dos outros, preciso de descansar!

Por falar em precisar de descansar, vi uma notícia acerca das pessoas este ano esperarem até ao Sábado e Domingo antes do natal para fazer as compras. Isto levanta-me algumas questões. Primeira questão: desde que quando é que a capacidade dos Portugueses de fazerem tudo em cima do joelho merece ser noticiada? Com certeza não é o primeiro ano (nem o último) em que milhares de pessoas esperaram até o último dia para comprarem os presentes. O que, convenhamos, é estúpido. Não só cria um abafo daqui até a Lisboa com o cheiro colectivo a eau de sovaqueira, mas também lembrem-se que quem é mais esperto já fez as compras todas, por isso vocês ficam com os restos. Acreditem, restos não vos vão garantir uma cadeirinha no jantar de natal do próximo ano.

A não ser que seja essa a vossa intenção. Nesse caso, boa!

A segunda pergunta é: porquê? A que propósito é que há tantas pessoas a esquecerem-se de tratar das compras? É um caso colectivo de amnésia? Uma bactéria qualquer na água que apaga a memória? Se calhar acham que não deviam comprar nada sequer. Essa razão é válida, mas se assim fosse não estariam agora todos esfalfados no centro comercial, portanto não é isso. Ou será que não estavam com muita vontade, e tanto adiaram que já não podiam adiar mais? Ai ai ai, minha gente, isso não se faz!

Bem, qualquer que seja a razão, eu posso falar aquilo que quiser mas já não vou a tempo, porque hoje é véspera de natal e suponho que ninguém quer saber. Eu acho no entanto engraçado que estas coisas aconteçam por cá e não se ouça nada sobre isso nos outros países. Bem, eu até evito tentar perceber se é assim em todo o lado, ou se nós não temos facilidades no que toca aos produtos presentes nas lojas, mas haja saúde e espaço para darmos asas aos nossos ricos traços portugueses de não fazer nada até à última.

Bom natal!

Crónica de Carla Vieira
Foco de Lente 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Crónicas Mais Lidas

loading...
To Top