Últimas Crónicas

Koavf – O Rei das Edições da Wikipedia

loading...

Quem já consultou a Wikipedia, nem que seja uma única vez, coloque o dedo no ar, sff! Pois, tal como esperava, já todos o fizeram (e, para que conste, também coloquei o dedo no ar). Segunda pergunta: quem é que já adicionou conteúdo á Wikipedia? Pois, quase ninguém. É que ler, e consultar, é uma coisa mas adicionar conteúdos é outra completamente diferente. Mas ainda tenho uma terceira pergunta para vocês: quem é que já editou, ou seja corrigiu, conteúdos da Wikipedia? Obviamente que…ninguém. Falta-nos vontade, tempo, e paciência, para andar a caçar erros na Wikipedia, não é? Pois, mas isso não falta a Justin Anthony Knapp (ou melhor a “Koavf”), o Rei das Edições da Wikipedia! O “Desnecessariamente Complicado” desta semana fala da Wikipedia e do inexplicavelmente gigantesco número de edições que Justin fez até hoje!

Penso que é obrigatório falarmos no tempo “pré-Wikipedia”. Sim, porque se são adolescentes, e já nasceram com a internet nos braços, tenho uma notícia para vocês: a vida era bem mais difícil antigamente! Juro-vos que houve um tempo em que a internet e os telemóveis eram apenas uma miragem! E também juro que mesmo sem internet o mundo continuava a girar e que a vida decorria normalmente. Agora, obviamente que tudo era bem mais complexo, por isso agradeçam aos deuses terem nascido na época em que nasceram, ouviram?

Antigamente teríamos de consultar as chamadas “enciclopédias”, o que não só era chatíssimo como demorava séculos. E escusado será dizer que não havia formas de copiar tudo em segundos, por isso tínhamos que escrever tudo à mão! Exacto, em papel mesmo. Agora vejam bem o quão antigo eu sou! Mas mais do que tudo isto, a questão é que a experiência de consultar uma enciclopédia era…muito pouco atractiva para uma criança. Não havia criança que se entusiasmasse em aprender se o que a esperava era um livro gigantesco e com uma linguagem demasiado complexa. Por isso o mero surgimento da Wikipedia foi um avanço gigantesco para a humanidade!

Mas quando a Wikipedia surgiu todos pensámos o mesmo: “mas quem é que vai adicionar conteúdos ao site?”. E ao percebermos que seriam as pessoas comuns torcemos o nariz. Sim, porque as “pessoas comuns” não só são preguiçosas como gostam de dificultar a vida dos outros, logo isto tinha tudo para correr mal (e nós sabemos tudo isto sobre as “pessoas comuns” porque ás vezes nós próprios somos uma dessas pessoas…). Contudo suspirámos de alívio ao saber que era possível corrigir alguns erros, ou incongruências, que surgissem de quando em vez. Mas, e há sempre mais um “mas”, voltámos a torcer o nariz quando nos apercebemos do trabalhão que daria navegar de “entrada” em “entrada” a ler tudo e a confirmas os dados, datas e informações que cada uma contém. Ficámos, portanto, num misto de emoções. A ideia era perfeita, mas na prática todos tínhamos dúvidas da sua taxa de sucesso.

O sucesso está à vista: o site continua activo, tem 4,985,975 milhões de entradas (literalmente, o número não é ao acaso, mas está em constante crescimento como podem imaginar…), cobre praticamente todas as áreas possíveis e imaginárias e nunca se envolveu em grandes polémicas. Mas ainda vos digo mais: se todos os artigos fossem editados em livro (de 5 cm por 25 cm) seriam necessários 2207 volumes e os mesmos teriam 1,600,000 palavras. É impossível não ficar impressionado com números tão épicos!

Mas se não somos enganados mais vezes pela “Wiki” a responsabilidade é, pelo menos em parte, do protagonista da crónica desta semana. O seu nome é Justin Anthony Knapp, mas é mais conhecido como Koavf (o seu username). A história deste rapaz impressiona qualquer um, acreditem! Sozinho ele editou 1,485,342 entradas da Wikipedia, o que dá uma média de 385 entradas editadas por dia! E atenção ao seguinte: ele faz isto por vontade própria! Não é empregado da Wikipedia e não recebe absolutamente nada para o fazer!

Tornou-se leitor assíduo do site em 2003, dois anos depois do seu lançamento, quando estudava na Indiana University tentando satisfazer o seu apetite por conhecimento e a sua apurada curiosidade. Esse era o tempo em que os artigos eram poucos e a taxa de crescimento era de mais de duzentos artigos por dia. Mas Justin não tinha internet ou computador, por isso o que fazia era consultar o site na biblioteca da Universidade, imprimir as páginas de que gostava a lê-las em casa (algo impensável para os jovens de hoje em dia).

Passado algum tempo começou a aperceber-se que algumas páginas tinham erros. E se às vezes eram apenas problemas de pontuação, noutras ocasiões eram erros graves ou propositados para ridicularizar a pessoa/situação em causa. Resolveu então juntar-se ao restrito grupo de editores da Wikipedia. Restrito não porque seja algo inacessível, mas sim porque ninguém se quer dar a esse trabalho.

Segundo dados oficiais dos 26 milhões de utilizadores registados na Wikipedia apenas 125,000 mil (ou seja, menos de 0,5%) são utilizadores verdadeiramente activos. Mas mesmo desse reduzido número apenas 12,000 fizeram pelo menos 50 edições nos últimos seis meses. Portanto torna-se claro que estamos a falar de muitos poucos editores para tantos artigos.

Wikipedia

Wikipedia

Mas voltando ao Justin, com tantas edições penso que todos devem imaginar a gigantesca diversidade de temas sobre os quais ele se debruçou: o Jazz ao Rock, da história de Marrocos à de Taiwan, da bandeira dos EUA à da Coreia do Sul, do alfabeto mongol ao braille, e etc etc etc! Estaríamos aqui toda a noite só para listar os temas por ele revistos.

Embora a sua vida pessoal e profissional tenha mudado ao longo dos anos tentou sempre ir conciliando tudo com as edições da Wikipedia. Nos seus “tempos de ouro” chegou a fazer mais de mil edições por dia! E não, não me enganei, no número!

A Wikipedia obviamente que reparou no trabalho massivo que Justin estava a fazer dia após dia, após dia…após dia. Em Abril de 2012 decidiram homenagear o Rei das Edições da Wikipedia! Como? Tornando o dia 20 de Abril no “Dia do Justin Knapp”! E a homenagem foi acompanhada de uma entrada na Wikipedia, obviamente!

Mas nem todas as revisões de Justin foram bem aceites. Algumas foram bloqueadas ou rejeitadas pelos directores da Wikipedia. Não que Justin tenha cometido algum erro, apenas…tomou um partido. Ou seja, aquilo que escreveu continha a sua opinião pessoal, logo era parcial. E o conteúdo da Wikipedia preza muito a imparcialidade (e devem ser elogiados por isso dado o quão raro é nos dias de hoje). Contudo estamos a falar de pequenos problemas, não da maioria dos casos, atenção!

Mas o derradeiro elogio a Justin ainda está para ser escrito. É que não só fez todo este trabalho de graça (visto não ser funcionário da empresa) como ainda por cima…rejeitou dinheiro para o fazer! Exacto, Knapp teve várias propostas de patrocínio por parte de marcas e empresas de todo o mundo e…recusou sempre! As empresas apenas queriam…uma boa crítica de Knapp na Wikipedia. No fundo uma contribuição para aumentar a credibilidade e a publicidade da marca. Mas os valores morais de Justin impediram-no de aceitar esse negócio.

Se o tivesse feito não necessitaria de trabalhar 60 horas semanais num restaurante para se sustentar, por exemplo. Mas Justin fez uma escolha: os seus valores acima da sua carteira. E embora os seus dias sejam cansativos afirma que é feliz. Afinal de contas faz algo que gosta, não exigindo nada em troca.

Numa era cheia de hackers, falsas identidades e pessoas que se aproveitam dos que os rodeiam encontrar alguém assim é extraordinário. É a prova de que ainda existem boas pessoas por aí, apenas temos que as procurar no meio da multidão. Para mim Justin é um herói dos tempos modernos. Alguém que faz pelos outros o que os outros não fazem por si. Alguém que dá sem esperar receber algo em troca. Alguém que perde algum do pouco tempo que tem disponível para facilitar e melhorar a vida dos outros.

Termino com uma estatística que ajuda a perceber a dimensão do feito de Justin. Até hoje ele fez quase um milhão e meio de edições na Wikipedia. Se cada edição demorar um minuto sabem quanto tempo, no total, teria ele dedicado a esta causa? Não façam contas, eu digo-vos: nada mais, nada menos, do que 1,041 dias! Ou seja? Quase três anos! Exacto, em sete anos da sua vida, quase três (senão mais dado que muitas edições demoraram certamente mais do que um minuto) foram dedicados a esta causa. Se isto não é epicamente altruísta não sei o que é estimados leitores!

Da próxima vez que forem consultar a Wikipedia não se esqueçam dos raros, mas bravos, cidadãos anónimos que dedicam parte da sua vida a melhorar, e facilitar, a nossa vida na Wikipedia.

Boa semana.
Boas leituras.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Crónicas Mais Lidas

loading...
To Top