Últimas Crónicas

Passear o Cão – Carla Vieira

loading...

No Domingo fui passear uma das minhas cadelitas. Eu estou a dizer isto como se fosse uma novidade porque é. Raramente a passeio porque ela tem um quintal esplêndido para brincar e pular e não tem nem nunca teve falta de espaço para as suas cabriolas. Perdoem-me os que acham que todo o bicho deve sair à rua duas vezes por dia, mas evitem ligar para a Associação Protectora dos Animais. Ela é mesmo bem tratada. E a outra também.

Bom, como estava a dizer, fui passear uma das minhas adoradas bichezas. Foi, digamos, o melhor momento da minha semana, que foi passada entre o emprego e a casa e com mais stress do que aquele que eu queria ter de aguentar. Como eu geralmente não faço exercício a não ser passear, e isso só acontece uma vez de vez em quando, aproveitei e levei a criatura peluda comigo quando saí de casa para relaxar um bocadinho.

Eu sei, eu sei, isto não é bem exercício. Foi mais puxado para ela do que foi para mim. Eu andei durante meia hora na boa, a levar com ventinho bom na cara e sol nos ossos. Ela andou a saltitar com a língua de fora e cheia de medo dos cães de grande porte das outras casas que de vez em quando lhe ladravam. Os cães, não as casas.

Ora, eu sei que andar durante meia hora com uma cadela atrelada não é a mesma coisa do que ir ao ginásio, mas no entanto relaxou-me ao ponto de ficar serena e descansada, que era exactamente aquilo que eu precisava. Cheguei à conclusão de que tenho de sair com a peluda mais vezes em jeito de relaxamento mental. Não só é passeio e faz mexer as pernas, como um cãozinho super fofo é sempre uma boa (ou melhor) companhia que seres humanos, pois só quer mimo e passear ao nosso lado. Às vezes à nossa frente também… Ou por entre as pernas. Mas pronto, detalhes à parte.

Sugiro um passeio semanal com os vossos mais-que-tudo de quatro patas, especialmente perto da natureza. Não há nada mais relaxante do que as patitas a dar a dar e o cheirinho a verde das árvores para nos fazer saborear o momento, que acho que muita gente já nem consegue fazer. E uma boa semana para todos.

P.S.: Deixem os telemóveis em casa! Acreditem, é um desperdício levar tecnologia connosco em tempo de relaxamento. Não o façam.

Crónica de Carla Vieira
Foco de Lente 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Crónicas Mais Lidas

loading...
To Top