Últimas Crónicas

40 Podcasts Portugueses que Têm Mesmo que Ouvir!

loading...

Incrível como passados quase quatro anos vocês continuam a voltar, semana após semana, para mais edições do “Desnecessariamente Complicado” não é? Se eu vos disser que esta é a minha crónica nº 202 no Mais Opinião vocês acreditam? Mas podem acreditar, porque é a mais pura das verdades! Como despistado que sou a efeméride passou-me ao lado, mas já diz o ditado que “mais vale tarde do que nunca”! E para comemorar este importante marco esta semana aconselho-vos os melhores podcasts nacionais! São quarenta propostas, todas nacionais, que vão dos mais óbvios aos mais obscuros. Tudo para conhecer em mais crónica do “Desnecessariamente Complicado”!

Mas antes de irmos às propostas é necessário responder às inquietações dos leitores. Sim, porque eu bem sei que muitos de vocês têm algumas perguntas a respeito deste tema! Primeiro: o que são “podcasts”? O nome é estrangeiro, e até vos pode ser estranho, mas certamente que estão familiarizados com o conceito. Podcasts não são mais do que programas em formato áudio. Sim, é tão simples quanto isto. E tanto podem ser programas de rádio ouvidos por milhares de pessoas diariamente como algo gravado de forma amadora por dois adolescentes e colocada online para o mundo ouvir (a isto se chama “a maravilha da internet”). Segundo: onde podemos ouvir os podcasts que aconselharás a seguir? Embora possam ser ouvidos em variadíssimos locais a minha fonte de pesquisa foi apenas uma: iTunes. Com os conselhos desta crónica e uma simples pesquisa podem ouvi-los todinhos!

Estes quarenta podcasts respeitam três critérios pessoais muito simples: são falados em português de Portugal; são actuais e estavam activos quando escrevi esta crónica e respeitam o meu padrão de qualidade. Quer isto dizer que excluí à partida todos os podcasts brasileiros (apenas e só porque são tantos, e tão bons, que dariam uma crónica por si só), que não vão encontrar nesta lista podcasts que tenham acabado há dois, três ou quatro anos e que pelo menos para mim têm qualidade. Claro que a qualidade é muito subjectiva (aquilo que me agrada a mim pode não agradar a outra pessoa), contudo penso ter conseguido reunir a nata da nata dos podcasts nacionais! A lista apresentada abaixo é completamente aleatória, não existindo qualquer significado nas posições ocupadas pelos podcasts.

#1 – Uma Nêspera no Cú

uma_nespera_no_cuComeço por um dos motivos para ser este o tema desta semana (o outro foi o tema ter-me sido aconselhado por um bom amigo e, já agora, excelente cronista do Ideias e Opiniões Fábio Valentim). Estreou ontem o primeiro episódio da muito aguardada Segunda Temporada e é, sem dúvida alguma, um dos maiores sucessos recentes em Portugal. O conceito é estranhamente simples: cada um dos presentes elabora duas hipóteses, cabendo aos restantes escolher apenas uma das duas.

Tem Bruno Nogueira, Filipe Melo e Nuno Markl no elenco fixo e um convidado diferente a cada novo episódio. Se apenas o quiser ouvir tem o já citado iTunes, mas se preferir as maravilhas da imagem não perca a versão disponível no Youtube com animações da autoria de João Pombeiro.

Nas palavras do autor de “O Homem que Mordeu o Cão” é “profano, ordinário, malcriado, eivado de palavrões e conceitos profundamente doentios. Se mesmo assim quiser ouvir, é por sua conta e risco. Depois não se queixe”.

#2 – Maluco Beleza

maluco_belezaCalma, o nome pode parecer brasileiro (e até é pronunciado com sotaque brasileiro) mas asseguro-vos que este podcast é português! Rui Unas deu, uma vez mais, uma pedrada no charco ao ser um dos primeiros grandes nomes nacionais a apostar a sério num formato na internet. Tem um estúdio próprio, uma equipa que trabalha na captação, edição e montagem do programa e conseguiu criar toda uma marca literalmente do zero. Também aqui existe a versão Youtube com direito a imagem e a versão iTunes apenas com o som da entrevista.

Aqui encontrarão convidados inesperados e conversas sinceras onde não existem temas proibidos. O resto fica a cargo da genialidade do “LOOOORD” da televisão portuguesa obviamente!

#3 – A Hora da Maçã

Podia muito bem ser sobre alimentação saudável mas, na verdade, aqui o foco vai todo para a tecnologia e para os gadgets da Apple. Nuno Luz (sim, “esse” Nuno Luz), Ricardo Fernandes, Pedro Aniceto e Carlos Dias da Silva são os responsáveis deste jovem projecto que começa a ganhar ouvintes, e amantes, pela internet fora.

A primeira edição é de meados de Novembro de 2015, o que significa que apenas existem seis edições publicadas. Se gostam de se manter actualizados sobre as mais recentes novidades da marca da maçã então não podem perder este podcast!

#4 – Pensa Rápidopensa_rapido_salvador_martinha

É indiscutível que Salvador Martinha tem conquistado a pulso um espaço próprio no panorama humorístico nacional. Nesse contexto parece-me justo afirmar que a sua rúbrica matinal da RFM tem sido uma preciosa ajuda nesta sua demanda.

“Pensa Rápido” são, nada mais nada menos, do que pequenos shots de humor. Da actualidade aos temas intemporais nada escapa ao olhar atento e sarcástico de Salvador Martinha e Alexandre Romão.

#5 – Conta-me Tudo

conta-me_tudoO comediante David Cristina começou neste mês de Fevereiro um novo podcast que promete bastante. E não é caso para menos quando a premissa é tão simples quanto “um espaço onde se podem ouvir histórias reais de pessoas especiais”.

Sejam para rir ou para chorar, recentes ou de um passado distante é certinho que serão histórias verdadeiras. Tudo isto acontece ao vivo, com direito a público e tudo, e com uma banda de suporte. Algo a séria, portanto.

#6 – Triplo Duplo

Do storylistening para a NBA é um pulinho (ou melhor, um afundanço). Cláudio Landim, João Costa e Flávio Silva reúnem-se semanalmente para discutir a actualidade da maior e mais mediática liga de basquetebol mundial.

Se acompanham a NBA, mas sentem falta de um espaço de debate dos acontecimentos da mesma na língua de Camões, então este é, claramente, um dos podcasts que não podem perder!

#7 – Pessoal e Transmissívelpessoal_e_transmissivel

Poucos são os locutores tão respeitados em Portugal quanto Carlos Vaz Marques que na TSF mantém o reputadíssimo “Pessoal e Transmissível”. Por lá já passaram as mais variadas personalidades lusitanas, de áreas tão diferentes quanto a cozinha e o humor ou a música e a arquitectura, entre tantas outras. Directo, acutilante, sarcástico e sem medo de colocar o dedo na ferida este é, sem dúvida, um dos podcasts mais geniais desta lista.

#8 – O Homem Que Mordeu o Cãoo_homem_que_mordeu_o_cao

Da TSF saltamos para a Rádio Comercial. Desde do fim da mítica “Caderneta de Cromos” que Nuno Markl procurava um novo sucesso para as Manhãs da Comercial. E esse sucesso veio directamente do passado (ou não fosse OHQMC uma das principais razões do sucesso da carreira do luso-austríaco).

Se, por algum acaso do universo, desconhecem por completo a rúbrica então garanto-vos que ali encontrarão actualidade, bizarria e doses muito generosas de humor. Caso a imagem seja mais apelativa não deixem de passar pelo site da Rádio Comercial ou pela respectiva página de Youtube para verem a versão em vídeo.

#9 – Brandos Costumes

Pedro Paulos é o criador do muito bem-sucedido “Brandos Costumes”. A ideia é simples: dar destaque a músicas menos conhecidas do panorama musical português. De grandes bandas a autores completamente desconhecidos ou da loucura dos anos 70 e 80 à pop psicadélica dos anos 90 tudo pode ser merecedor do destaque deste podcasts quinzenal.

Prestes a completar um ano de existência conta com 23 episódios repletos de agradáveis e surpreendentes escolhas musicais. Sem dúvida uma lufada de ar fresco entre as propostas online nacionais.

#10 – Biblioteca de Bolso

A vossa onda é mais literatura? Nada temam, porque esta proposta é para vocês. Inês Bernardo e José Mário Silva são as mentes, e as vozes, por detrás deste inovador espaço de entrevista.

Aqui encontrarão alguns dos mais reputados autores nacionais a falar de si, das suas obras e dos livros das suas vidas. Um espaço de conversa a três onde os preconceitos ficam à porta e os livros ocupam todo o espaço disponível.

#11 – Portugalex

portugalexO Portugalex é outro dos “pesos pesados” desta lista. Há vários anos que António Machado e Manuel Marques são um dos principais destaques das Manhãs da Antena 1. Nas suas vozes tudo parece ser possível, existindo sempre espaço para mais uma gargalhada.

Os textos são Patrícia Castanheira e Fábio Benídio ficando a interpretação a cargo de dois dos mais camaleónicos actores que este país já viu. Pena é que, á semelhança de outras estações de rádio, não exista uma versão em vídeo onde pudéssemos ver tudo a acontecer nos estúdios da Antena 1.

#12 – Ponto de Indiferença

Voltamos a fugir aos holofotes que rodeiam as grandes rádios, mas por uma boa razão. “Ponto de Indiferença” é da autoria de Pedro Veiga e oferece quinzenalmente estórias sobre música. Das oito edições já disponíveis (a mais extensa tem apenas catorze minutos) fazem parte breves conversas com nomes como Noiserv, Batida, Linda Martini, Aline Frazão, entre outros.

Um espaço refrescante, surpreendentemente profundo e com entrevistas bem conduzidas. Claramente estamos perante um enorme talento nacional. A não perder. Mesmo.

#13 – Brief Mal Passado

“Brief Mal Passado” é não só um excelente trocadilho como também uma proposta muito interessante numa área pouco explorada no mundo dos podcasts portugueses. Daniel Caeiro e Roberto Estreitinho discutem comunicação, marketing, estratégia, marcas, anúncios, agências, clientes e muito mais.

Pode ser um dos espaços mais “crus” da lista, mas o talento e o interesse está todo lá. Até agora existem apenas dois episódios, restando-nos esperar, e desesperar, por novas aparições deste duo. Para acompanhar, de muito, muito perto.

#14 – A Revolta do Vinyl

Todos os Sábados à noite é Ricardo Guerra quem assume o controlo da emissão da Rádio Oxigénio. E entre as 23h e a 00h o que ele tem para oferecer a todos aqueles que o seguem é mais uma emissão do programa “A Revolta do Vinyl”.

Uma vez mais estamos perante um nome curto, cativante e que fica a pairar na nossa mente. O estilo musical pode não agradar a todos, mas é indiscutível que Ricardo Guerra tem bom gosto e muito talento na condução deste seu agradável e refrescante espaço radiofónico.

#15 – Almofada de Ar Fresco

Deixem-me adivinhar: falta-vos tempo para ouvir muitas das sugestões anteriores? Então vão gostar particularmente desta proposta. “Almofada de Ar Fresco” é, nas palavras do seu criador, “uma revisão irónica do que não interessa da actualidade e que, ao mesmo tempo é tão indispensável às nossas vidas”.

Todas as quartas-feiras André Marques Santos condensa em meia dúzia de minutos a parte (des)interessante da actualidade nacional. Bem escrito, com boa voz, uma dicção exemplar e com uma montagem a roçar a perfeição esta é uma das propostas mais entusiasmantes do mundo dos podcasts nacionais!

#16 – Só Que Não

Depois de “Outra Coisa”, na Antena 3, Luís Franco Bastos volta a mostrar todo o seu talento numa rádio nacional. Sim, porque se juntarmos o humorista Luís Franco Bastos e a estação de rádio Mega Hits, qual é o resultado? Um dos podcasts mais hilariantes de que há memória, claro!

“Só Que Não” vai para o ar todas as terças e quintas pelas 18:30h e conta já com quarenta e quatro edições. De Pinto da Costa a Luisão, de Paulo Portas a Cavaco Silva, de Bruno de Carvalho a Jonas ou mesmo de Cristiano Ronaldo a José Sócrates tudo, e todos, têm lugar marcado na mente (e na garganta) de um dos maiores imitadores nacionais.

#17 – Rebenta a Bolha

radio-comercial-rebenta-a-bolhaVoltamos à Rádio Comercial para dar o merecido destaque à mais recente obra-prima de César Mourão. Todas as manhãs o actor enfrenta um de dois desafios: ou conhece na hora três profissões, devendo depois saltitar entre as três sempre que lhe for indicado, ou conhece a premissa para uma história tendo de a improvisar na totalidade e tendo de iniciar algumas das suas frases com letras dadas, na hora, pela restante equipa.

Mourão prova que é rei do improviso em Portugal. A história desenvolve-se a uma velocidade vertiginosa e as piadas (embora se aproveitem de muitos clichés intemporais) ganham uma nova vida com a sua soberba interpretação.

#18 – Jogo Jogado

Tempo agora para o desporto rei! Aqui a discussão roda sempre em torno do futebol! E não poderia ser de outra forma quando os intervenientes são Luís Freitas Lobo, João Rosado e Mário Fernando. O terreno é a reputada TSF e o jogo acontece todas as segundas-feiras.

Se procuram um debate futebolístico sobre a actualidade, mas sem comentadores que sofrem de “clubite aguda” e onde a elevação, a simpatia e o respeito nunca se perdem então este é um dos podcasts que vão passar a constar dos vossos favoritos.

#19 – A Mosca

Este é mais um dos muitos projectos amadores que garantiram a entrada nesta lista. “A Mosca” é um programa de rádio da responsabilidade de Alexandre Pinto, que teve o seu início no ano de 2013. Desde então, a missão passa por mostrar o que de melhor existe no mundo da música, sem nenhuma preferência por géneros. O único critério é que seja interessante.

Mas como a música não passa sozinha, há também a palavra que a acompanha. E espaço para o cinema, e a literatura também. Caso tenham interesse existe também o blogue O Coprófago, onde podem ler interessantes dissertações sobre a música nacional e internacional.

#20 – Governo Sombragoverno_sombra

Estamos perante outros dos “pesos pesados” deste combate que é o mundo dos podcasts. Nasceu na TSF mas já quebrou há muito as barreiras da rádio, sendo actualmente transmitido na TVI24 (todos os Sábados pela 00h).

O já citado Carlos Vaz Marques tenta, nem sempre com sucesso (e ainda bem, dado que são esses os momentos mais divertidos do programa) moderar Ricardo Araújo Pereira, Pedro Mexia e João Miguel Tavares. A actualidade política nacional e internacional tem primazia mas as restantes áreas têm sempre a sua quota-parte de espaço de debate. Sem dúvida um dos melhores e mais esclarecidos espaços de debate político em Portugal.

#21 – Cinemax

O Cinemax conquistou, por mérito próprio, o rótulo de excelência no que ao cinema diz respeito. Tiago Alves conduz de forma simples e descomplexada um formato que já deu diversas provas da sua qualidade ao longo dos anos.

As oportunidades para ficar informado do melhor cinema que se faz dentro e fora de portas são quatro: na Antena 1 (às Quintas-feiras, pelas 23h, e aos Sábados, pelas 18:10h), na Antena 3 (às 14h de Sábado) e na RTP2 (pela 00h de Quarta-feira).

#22 – Encontros com o Património

A sua onda é mais história? Ama de perdição o nosso país? Então chegou a sua vez! Sim, porque este é um daqueles podcasts que vai fazer com que os seus olhos brilhem de emoção! “Encontros com o Património” pretende descobrir Portugal. Todas as semanas este programa da TSF (que é realizado em parceria com a Direcção-Geral do Património) fala de sítios com história, paisagens e pessoas, do passado e do presente.

Pelo microfone do repórter Manuel Vilas-Boas, e pela conversa com diferentes especialistas, ficamos a conhecer Portugal na sua variedade de monumentos e locais muitas vezes escondidos. A não perder todos os Sábados (pelas 12:10h) ou, se preferir, todos os Domingos (pela 1h).

#23 – Falar Criativo

O “Falar Criativo” ocupa um espaço que, embora seja muito fértil, em Portugal mais parece um deserto. Falar de ideias, de criatividade e tudo o que lhes está relacionado é tão urgente quando qualquer outro tema. Infelizmente estas temáticas são frequentemente menosprezadas e colocadas em segundo plano, algo completamente incompreensível diga-se de passagem.

Rui Branco não só não foge ao tema como o aborda de forma directa, simples e atraente para quem o escuta deste lado. No seu podcast já entrevistou nomes como Ricardo Araújo Pereira, Bruno Pernadas ou mesmo Joana Barra Vaz.

#24 – Obrigado Internet

Na categoria “podcasts fenómeno” estará, com toda a certeza, o “Obrigado Internet”. O conceito é muito simples e óbvio, contudo ainda ninguém o estava a colocar em prática em Portugal: discutir, semanalmente, a cultura da internet, nomeadamente os fenómenos virais e as coisas bizarras e divertidas que por lá/cá acontecem.

Fernando Alvim, Nuno Dias e Pedro Paulos são a base do programa, ficando sempre um espaço reservado para os habituais convidados. Para rir, de forma descomplexada, sobre um mundo do qual todos fazemos parte.

#25 – M80 Super Parada de Genius Jackpot Mix

Se houvesse um prémio para “Nome Mais Longo” sem dúvida que já estaria atribuído à partida. E como se “O Homem Que Mordeu o Cão” não fosse suficiente Nuno Markl entra novamente nesta lista, desta vez com um podcast da irmã mais velha M80.

Aqui são analisadas, até ao mais ínfimo detalhe, as músicas da banda sonora da vida de Markl (e, fazendo justiça, das nossas vidas também) tendo sempre a boa disposição como pedra de toque, obviamente! Acredite numa coisa: nunca mais ouvirá estas músicas da mesma forma!

#26 – Kioske da Maçã

Se fala em maçãs então é sobre….a Apple, claro está! Esqueçam a ligação das maçãs á alimentação saudável, a sério, já percebemos que em Portugal todas as maçãs são tecnológicas.

Diogo Pires é o condutor deste veículo que circula a toda a velocidade a caminho do sucesso! O facto de responderem a perguntas feitas por quem os segue é, quanto a mim, algo diferenciador em relação às restantes ofertas deste género a nível nacional.

#27 – Linha Avançada

Outra das maiores instituições nacionais reside no nº 27 desta lista e pertence à Antena 3. A “Linha Avançada” vive, acima da tudo, de José Nunes. Sintetizar, e analisar, a actualidade futebolística nacional e internacional em escassos minutos de forma séria, isenta mas também divertida é algo simples de dizer mas muito complexo de concretizar!

Seja pela manhã ou pelo final da tarde é impossível não nos rendermos á genialidade de José Nunes e dos locutores que o acompanham!

#28 – Rádio Defusão

Fábio Vieira Fernandes, Rita Miranda e Catarina Nunes recebem todas as terças-feiras um novo convidado para falar de tudo um pouco (embora a música esteja sempre no centro da discussão).

Portanto, se o vosso objectivo é ouvirem falar de música de forma sincera e livre então vão render-se rapidamente a este espaço. Para ouvir, mas também para partilhar, porque o que tem talento merece sempre a nossa partilha. Tivesse Portugal mais podcasts destes….

#29 – Falar de Memória

Esta entrada da lista está perigosamente perto de ultrapassar os critérios definidos. Porquê? Porque embora seja falada em português de Portugal, esteja activa actualmente e tenha imensa qualidade é feita em Macau e, melhor ainda…sobre Macau!

“Falar de Memória” é um programa transmitido na Rádio Macau, da autoria de Hugo Pinto e que conta com a participação do jornalista e investigador João Guedes. Semanalmente será revisitado o passado de Macau através das histórias que têm como protagonistas personagens e lugares que ainda perduram na memória.

Um podcast surpreendente e que nos cativa a cada palavra, a cada pausa e a cada silêncio.

#30 – Pastilhas Para a Tosse

pastilhas-tosseNilton assume todos os dias a árdua tarefa de fazer rir (ou, pelo menos, sorrir) todos aqueles que ouvem o Café da Manhã da RFM. As suas “Pastilhas Para a Tosse” são a dose perfeita de actualidade e boa disposição que prometem trazer um hálito refrescante às nossas vidas.

#31 – Até Tenho Amigos Que São

Mais um caso onde a ascensão meteórica é 100% justa. Rodrigo Nogueira lidera exemplarmente este espaço de entrevistas que prima pela categoria dos seus convidados. De Carolina Torres a Moullinex, de Ana Sofia Martins a Beatriz Gosta ou mesmo de Valete a Pedro Conequão todos já passaram por este extraordinário podcast.

A música é de Rúben da Costa, o logotipo é do Rui Teixeira e da Inês Maldonado e, segundo o autor, “o apoio espiritual é de Pedro Paulos”. Mais um espaço que merece um palco bem maior do que aquele que pisa actualmente.

#32 – Conversas à Quinta

Voltemos, por breves instantes, a assuntos mais sérios. No “Conversas à Quinta” encontramos Jaime Nogueira Pinto numa ponta da mesa de debate, Jaime Gama na outra e José Manuel Fernandes ao meio, na moderação.

Aqui a actualidade é Raínha e senhora, ou não fosse este um podcast do jornal online Observador. Se se interessam por política nacional e europeia então vão ficar rapidamente fãs da eloquência e sabedoria dos intervenientes.

#33 – Segundo Take

O podcast “Segundo Take” é um programa de duração digerível onde são analisados variados filmes. Da ficção á fantasia, ou do terror à comédia, existe espaço para todos os géneros nesta obra de António Araújo.

Uma opção a considerar se o estilo do já referido “Cinemax” não preenche as suas medidas mas quer estar informado sobre o cinema nacional e internacional.

#34 – Trocado Por Miúdos

Diz a sabedoria popular que as crianças são sempre sinceras, dado ainda não terem aprendido a arte de mentir de forma convincente. Miriam Gonçalves testa a sabedoria dos mais pequenos, de Segunda a Sexta-Feira, pelas 8:20h na Rádio Renascença.

Esta é a derradeira prova que ainda existe muito para fazer em rádio (é preciso é ter ideias e vontade de as concretizar)! Excelente opção para desanuviar dos problemas diários e das gigantescas doses de stress que carregamos aos ombros.

#35 – L’Espace

Saudades das sugestões de podcasts musicais? Calma, chegou a altura de voltarmos a esse género de programa! E, uma vez mais, aconselho um programa de uma estação de rádio. A estação em causa é a Vodafone FM e o locutor responsável pelo programa é o Emanuel Botelho.

Durante a noite de sexta-feira está prometida música electrónica sem barreiras de género ou época. Uma excelente opção para acompanhar uma sessão nocturna de trabalho, estudo ou apenas de navegação no vasto mundo da internet e das redes sociais.

#36 – Não É Mau

Regressamos novamente à TSF, para destacar uma das maiores concentrações de talento de que há memória. Miguel Guilherme, Filipe Homem Fonseca, Mário Botequilha e Mésicles Helin criam algum do melhor humor que é feito na rádio portuguesa.

Todos os dias da semana é possível ouvir humor sobre actualidade em pequenas, e inspiradoras doses, às 8:40h, às 18:20h e pelas 20:15h. É urgente levar o talento destas mentes brilhantes e o seu humor actual e corrosivo aos leitores do Mais Opinião!

#37 – Maria Flor Pedroso

Começamos a aproximar-nos perigosamente da recta final, mas ainda há espaço para temas sérios. Maria Flor Pedroso entrevista todas as semanas uma personalidade ligada, directa ou indirectamente, à vida política nacional.

De figuras do presente a rostos do passado, de primeiras linhas a personalidades secundárias, da extrema-direita à extrema-esquerda todos já passaram, ou vão passar, por este espaço de conversa e discussão política. Podem escutar tudo isto às quintas-feiras, pelas 10:15h, na Antena 1.

#38 – O Outro Paulo

Pensavam que tinham acabado os podcasts anónimos? Calma, então e “O Outro Paulo”? Ah pois é, nada de descartar já o espaço do Paulo Pereira Cristóvão! Mais uma vez encontrarão um espaço de conversas directas, sinceras e sem filtros.

As vossas sextas-feiras vão ficar ainda mais entusiasmantes agora que descobriram este espaço semanal do Paulo Pereira Cristóvão!

#39 – Stand-Up Underground Fita

Ainda que muitas destas sugestões tenham ligações ao mundo da comédia poucas o assumem de forma tão séria quanto o “Stand Up Underground”. Ivo, Miguel e André pertencem todos à categoria “Jovens Humoristas com Talento”. Todos fazem stand up e têm conquistado algum protagonismo através dos seus espectáculos e dos seus vídeos no Youtube.

Neste espaço dissertam sobre os mais variados temas e recebem convidados. Tudo é muito recente, contudo já existem duas edições que podem ouvir no iTunes (aconselha-se vivamente a audição da entrevista a Daniel Carapeto, também ele um jovem humorista deveras talentoso). Nota também para a FITA, a primeira rede de podcasts nacionais. Para além do “Stand Up Underground” existem mais sete podcasts à vossa escolha no site www.fita.pt

#40 – Prova Oral

prova_oralTerminamos esta lista com aquele que é, para mim, o mais especial de todos os podcasts. Cresci a ouvir a “Prova Oral” do Fernando Alvim, na Antena 3. Já perdi a conta aos anos a que oiço, diariamente, as doses de loucura saudável que o Alvim e os respectivos convidados emanam através das ondas hertzianas.

Este é, na minha opinião, “O” espaço de entrevistas em Portugal. Por aqui passam todo o género de convidados, nomeadamente muitos que embora tenham qualidade e talento ainda não são “mainstream”. Era impossível terminar estas sugestões com outra entrada que não a do podcast do Capitão Alvim!

E assim chegámos ao fim do “Desnecessariamente Complicado” desta semana. Espero ter conseguido provar que existem muitos, e bons, podcasts em Portugal. Os mais puristas dirão que ficaram de fora grandes programas e profissionais. Os mais inteligentes perceberão a ousadia de dar destaque e atenção a podcasts amadores.

Obviamente que lá fora existem muitos mais podcasts. Claro que pelo estrangeiro estão profissionais de excelência, a fazer trabalhos de inegável qualidade. Mas esta crónica vem provar que tudo isso também é verdade em Portugal. Existe toda uma nova geração, com talento que sobra, a trabalhar afincadamente para se mostrar ao público português. O mínimo que podemos fazer é estar dispostos a ouvi-los e comentar e partilhar o seu trabalho. Porque se nós não apoiarmos os produtos portugueses quem apoiará?

Boa semana.
Boas leituras e…bons podcasts!

13 Comments

13 Comments

  1. João Matias

    14/01/2017 at 23:34

    Muitos programas de rádio, poucos podcasts. É pena que não seja feita esta distinção entre quem faz algo para a rádio (e depois retransmite nas plataformas de podcast) e quem faz realmente um podcast de origem.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

loading...
To Top