Últimas Crónicas

Bom Ano Novo! – Carla Vieira

loading...

Olá bom dia! Hoje é o primeiro de Janeiro de 2013, e portanto vou falar da nossa belíssima tradição de comer as doze passas e pedir os doze desejos para o outro ano. Quem dos meus magníficos leitores embarca nesse hábito? Eu, como pessoa nada supersticiosa, obviamente tal cenário passa-me ao lado… Até porque não sou grande apreciadora de passas a não ser das negras de boa qualidade.

Eu costumava fazer aqueles desejos tolos típicos de criança pequena: paz no mundo, comida para os meninos de África com fome, erradicação das doenças feias. Agora sou adulta e já não desejo por essas coisas enquanto como as passas… Se bem que, entendam-me, não quer dizer que ache tais desejos insignificantes. Apenas sei que não é por desejar que o mundo vai ficar melhor.

Parece que quando deixamos de ser crianças inocentes, começamos a perceber que realmente há coisas neste mundo que para mudarem, não podemos simplesmente usar o poder de oração mas sim agir da maneira concordante para que as nossas acções criem os efeitos desejados.



Falando portanto, de coisas sérias, nós somos quem somos. Hoje, aqui, agora, cada um de vocês é quem é e como é. O que é que isso tem a ver com o assunto, perguntam-me? Para mim, em vez de ser uma ocasião para bater os testos e comer sobremesas, o ano novo é uma oportunidade para me melhorar um bocadinho, e consequentemente, mudar todas as pessoas à minha volta. Gosto de usar o ano novo como uma desculpa para fazer o update da minha própria pessoa e melhorar a minha visão do mundo.

O que desejo neste ano, portanto, é que vocês façam e aconteçam tudo aquilo que quiserem, e puderem, para que consigamos mudar o mundo, uma acção de cada vez, a cada dia, a cada instante.

Desejo-vos um óptimo início de ano, e boa semana!

Crónica de Carla Vieira
Foco de Lente 

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Crónicas Mais Lidas

loading...
To Top